Foi hoje conhecido que a Hungria vai alterar, a partir de amanhã (7 de agosto), a classificação da Espanha de "verde" para "amarelo". A classificação de Portugal não foi alterada, mantendo-se “verde” (sem restrições de entrada na Hungria).

De acordo com os regulamentos em vigor desde 15 de julho, quem viajar a partir de países classificados como "amarelo" é obrigado a apresentar dois testes negativos Covid19 ou ficar em quarentena durante duas semanas. Os cidadãos estrangeiros oriundos de países classificados com “vermelho”, estão proibidos de entrar na Hungria. 

Com esta atualização, a Hungria passa a classificar com “vermelho” (países de alto risco): Albânia, Bósnia Herzegovina, Bielorrússia, Kosovo, Macedónia do Norte, Moldávia, Montenegro e Ucrânia, além de todos os países africanos, Austrália e a maioria dos países asiáticos. A “amarelo”, e para além da Espanha, está a Bulgária, Noruega, Sérvia, Suécia e Reino Unido na Europa, Estados Unidos e Canadá na América e Japão e China na Ásia.

  • Partilhe